in

Estudo canadense mostra o que os tutores esperam dos médicos-veterinários

Iniciativa foi desenvolvida pela pós-doutoranda Natasha Janke

Ao se pensar num atendimento veterinário, a comunicação entre tutor e profissional deve ser clara. Para entender melhor o que os cuidadores esperam dos responsáveis por tratar os animais de companhia, um estudo foi produzido no Canadá.

Realizado com tutores de pets e veterinários de Ontário, em 2019, a iniciativa contou com três temas principais emergidos dos grupos de foco para tutores de animais de estimação: Compreender o cliente, fornecer informações adequadas para o cliente e tomada de decisão. A ideia foi da pós-doutoranda na Universidade do Estado do Colorado, Faculdade de Medicina Veterinária e Ciências Biomédicas do Departamento de Ciências Clínicas, Natasha Janke.

“Sobre o tema 1, compreendendo o cliente, os tutores queriam que seus veterinários reservassem um tempo para ouvir suas preocupações, ser parceiros deles no cuidado de seus animais de estimação e avaliar seu nível de conhecimento, a fim de serem capazes de adequar as informações a eles”, diz Natasha

Para saber mais sobre os outros temas, leia o texto completo em nossa revista on-line, gratuitamente. Clique aqui.

Fonte: Redação Cães&Gatos VET FOOD.

(Foto: C&G VF)

LEIA TAMBÉM:

Oftalmologista precisa de conhecimento e empatia em casos de perda de visão dos pets

Sistema CFMV/CRMVs lança campanha “Zootecnista é gente que faz acontecer”

Comitê Global de Nutrição da WSAVA lança novos recursos para uma nutrição otimizada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Em ranking, Vetnil é reconhecida como uma das melhores empresas para trabalhar

depressão animal

Animais com depressão: diagnóstico do problema não é tarefa fácil aos veterinários