in

Manuseio incorreto pode desencadear doenças de pele em serpentes

A disecdise é o processo incorreto que acontece durante a troca de pele do animal

A disecdise é uma das doenças mais comuns encontradas em répteis. A enfermidade que acomete muitas serpentes, é decorrente de um manejo inadequado e, refletido nos danos causados ao realizar a troca de camada externa da pele do animal. O processo, normalmente, é feito de maneira segmentada, saindo de uma só vez, caso isso não ocorra, a causa pode variar entre, desidratação, temperatura incorreta e até mesmo a baixa umidade ambiental, e muitos outros.

Para que seja possível auxiliar os ofídios neste processo, alguns cuidados podem ser tomados, o tutor, pode melhorar o ambiente onde o animal está, instalando rochas e abrigos, plantas, proporcionar ventilação, umidade e luz, tudo que possa remeter ao habitat natural da serpente. 

Vale lembrar que, ao realizar alguns ajustes, é necessário averiguar se o ambiente está adequado, levando em consideração que o bicho pode ficar exposto a altas temperaturas sem apresentar dor, com isso, alguns animais acabam se envolvendo em graves acidentes por causa de queimaduras. 

Para evitar tal imprevisto, é indicado o uso de termostato para corrigir a temperatura e borrifadores manuais para melhorar a umidade do local.

Também é possível incluir aos cuidados do animal, a administração de vitamina C, que pode ser eficiente no auxílio da elasticidade da pele. É importante destacar que neste período de ecdise, deve-se evitar manusear a serpente, pois a mesma fica mais sensível e vulnerável, podendo ocorrer acidentes com botes e mordeduras.

Clique aqui para ler o artigo completo, na edição de fevereiro da C&G VF.

Fonte: Redação Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Nas redes sociais, veterinário deve tomar cuidado para não ferir Código de Ética Profissional

Reflexo da pandemia na gestão das carreiras indica período de transformação

Faculdade de Veterinária da UFRGS se destaca em ranking mundial de universidades

Foto: C&G VF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

adoção responsável CãoDula

CãoDulas participarão do Rio Open 2022, ao lado dos maiores tenistas do mundo

brinquedo terapêutico

Marca Adoleta Diversão Pet desenvolve brinquedos de aromaterapia para os animais