Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Pets e Curiosidades

Título de “cão mais velho do mundo” é retirado de Bobi

Guinness não encontrou provas conclusivas de que ele viveu 31 anos
Por Equipe Cães&Gatos
Por Equipe Cães&Gatos

O Guinness World Records (GWR) havia proclamado Bobi como o cão mais velho do mundo. Falecido em outubro de 2023, a alegação é de que ele tenha vivido 31 anos, com data de nascimento em 11 de maio de 1992.

Aconteceu que, na última quinta-feira (22), a mesma instituição acabou por revogar o título. Isso porque, de acordo com o anúncio, não foram encontradas provas conclusivas de que ele tivesse vivido, de fato, 31 anos.

O cachorro foi anunciado como o cão vivo mais velho do mundo e o cão mais velho de todos os tempos em fevereiro de 2023. No começo deste ano, o livro dos recordes informou que estava revisando a premiação após veterinários questionarem a idade.

Quando Bobi teria completado 31 anos, sua festa de aniversário reuniu mais de 100 pessoas em Portugal, onde vivia (Foto: reprodução)

O cachorro morava na aldeia de Conqueiros, em Portugal, com o seu dono, Leonel Costa. Bobi era um Rafeiro do Alentejo, uma raça pura, que tem uma esperança média de vida de cerca de 10 a 14 anos.

Em 31 de maio de 2023, quando Bobi teria completado 31 anos, sua festa de aniversário reuniu mais de 100 pessoas. O cardápio incluía carnes e peixes locais para os 100 convidados, e um extra para Bobi, que tinha um menu apropriado para sua dieta. Um grupo de dança também se apresentou.

Fonte: G1, adaptado pela equipe Cães e Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Especialista explica benefícios dos petiscos naturais

Gatos de ONGs do interior de São Paulo aguardam doações de suprimentos e novos lares

Gatos também precisam de vermifugação periódica